Alimentação pós-parto: guia básico para a mamãe!

Se você é mãe de primeira viagem e deseja conhecer mais sobre alimentação pós-parto, acaba de encontrar o blog post que é um guia básico para mamães em busca de dietas saudáveis para a sua própria nutrição e também do recém-nascido.

É comum a ideia de que após a gestação, os cuidados necessários aos alimentos consumidos não influenciem diretamente na saúde do bebê ou até mesmo na recuperação do processo gestatório, mas a Vilma Mirian veio te explicar que não é bem assim.

Quer conhecer mais sobre o assunto e garantir uma alimentação pós-parto ideal, segundo especialistas? Siga com a leitura!

Dieta pós-parto: o que comer?

Saber o que comer no pós-parto é fundamental para a recuperação física que a mulher passa após o período de gestação. Por isso, a Vilma Mirian destaca as contribuições de uma boa alimentação para a saúde do bebê e também da mamãe.

Entenda como amamentar corretamente: desvende os mitos e as verdades hoje mesmo!

Mas afinal de contas, que dieta manter após as gestações? É importante que depois da vinda do bebê, a mulher siga as visitas aos especialistas em nutrição e saúde, e então, priorize a inclusão dos seguintes alimentos no dia a dia:

1. Cereais integrais

grávida segurando tigela de cereais

Os cereais integrais são mantidos em sua forma natural, ou seja, são alimentos sem a utilização de processamento ou adição de químicos que prejudicam a saúde da mulher. Se você deseja incluí-los em suas refeições, opte por:

  • aveia;
  • quinoa;
  • granolas;
  • centeio;
  • arroz integral.

Confira também um guia especial sobre amamentação para todas as mães e entenda importância de uma alimentação saudável no puerpério (resguardo).

2. Frutas

Falar sobre alimentação pós-parto e não citar a inclusão de frutas seria recorrer em um erro relacionado ao cardápio das mamães após a vinda do seu pequeno.

Mais do que segredos para perda de peso, o consumo de frutas nesse período é um investimento de uma vida equilibrada e de produção de leite materno saudável. Deseja garantir uma alimentação adequada ao bebê nos primeiros meses de vida dele? Alimente-se de maneira consciente e com inclusão de frutas.

Quanto as melhores opções de frutas na alimentação pós-parto, priorize as que contribuam com uma boa digestão, como:

  • mamão;
  • ameixa;
  • maçã;
  • banana;
  • abacate.

Nós aqui da Vilma Mirian reforçamos também a importância do consumo do suco dessas frutas, aumentando a hidratação da mulher nesse estágio.

3. Legumes

Homem e mulher lado a lado preparando salada de legumes enquanto bebe brinca com as folhagens

Outra fonte de saúde presente na nossa lista do que comer no pós-parto consiste no preparo de legumes em receitas básicas. Se você deseja ter refeições equilibradas e oferecer os mesmos benefícios ao bebê, inclua os seguintes alimentos:

  • legumes e folhas verdes escuras;
  • brócolis;
  • couve-flor;
  • espinafre;
  • pepino;
  • pimentão.

Evite, entretanto, a compra destes alimentos congelados ou com processamento, e se possível, evite legumes em cultura rica de agroquímicos, optando assim por orgânicos.

4. Leites e derivados

É isso mesmo, a inclusão de leites e derivados no pós-parto é fundamental para as mamães que deram a luz s e agora preparam-se para o lindo período da amamentação.

Através do consumo desses alimentos, a mulher garante a quantidade necessária de Vitamina D, proteínas necessárias, cálcio e outros nutrientes essenciais para a produção saudável do leite materno, além da nutrição da mulher no puerpério.

Portanto, aposte nos seguintes alimentos em suas versões mais naturais:

  • leite;
  • queijos brancos e ricotas;
  • iogurtes sem adição de açúcar.

Para as mulheres e bebês que têm intolerância a lactose:

  • leite sem lactose;
  • leite de amêndoas;
  • leite de arroz.

São incontáveis os benefícios tanto para grávidas quanto para mamães a adição de cardápios que contem com leite e seus derivados. Quer conhecer mais um dos principais investimentos no período de amamentação? Siga a leitura, pois a Vilma Mirian te conta!

5. Água

Mãe segurando bebe enquanto toma água

O consumo de água é fundamental para as aquelas que desejam uma recuperação saudável após períodos sobrecarregados como a gestação, contando também, com a hidratação necessária da pele e produção do leite materno.

Especialistas ainda reforçam que a inclusão de quantidades necessárias de água após o nascimento do bebê, contribui com o bom funcionamento do sistema digestivo e perda dos quilos naturais deste período.

Possui dificuldade em se lembrar daquele copinho d’água? Leve sempre uma garrafa na sua bolsa maternidade e lembre-se o quanto este consumo é importante para a sua saúde e também a do bebê.

Aposte na inclusão de sucos, além de chás com ervas calmantes e naturais e conheça 7 benefícios incríveis do chá de camomila para bebê!

Dieta pós-parto: o que evitar?

Assim como é importante garantir uma alimentação pós-parto saudável, destaca-se os alimentos a serem evitados neste período.

Antes das gestações, o consumo de processados, itens ricos em açúcar e gordura, não são adições nutritivas, logo, para mamães e bebês, estas fontes energéticas devem ser evitadas.

Em casos de mulheres em puerpério, inclusive, o alto consumo de açúcares pode contribuir com diabetes gestacional, condição que as colocam em riscos de saúde graves.

Por esse e outros motivos, invista em uma alimentação pós-parto equilibrada, assim como a prática de exercícios físicos regulares, não apenas para perda dos quilinhos vindos com a gestação, mas também para a conquista de qualidade de vida global.

Gostou de conhecer mais sobre o assunto e, com a Vilma Mirian, descobrir as contribuições de dietas equilibradas pós-parto? Siga acompanhando nossos artigos preparados especialmente para você, mamãe, e para o bem-estar de toda a família. Aproveite e deixe um comentário aqui embaixo com alguma outra dúvida ou sugestão de tema para o próximo post!

Nos vemos no próximo conteúdo!

Deixe um comentário